Capa

Luciana Lossio vence GP Internacional Top Riders e fatura o ranking brasileiro senior top 2021

Amazona amadora e renomada jurista, Luciana treina com Marcos Fernandes Alves, o Joca, dono de dois bronzes na Paralímpiada de 2008. Em cinco anos, Luciana subiu da série 1.20m ao mais alto rendimento e é a melhor amazona da atualidade no país, em uma categoria dominada por homens.

05.12.2021  |  1.431 visualizações

Não teve para ninguém. A amazona Luciana Lossio dominou o placar do Concurso de Salto Internacional - CSI-W Top Riders Troféu José Roberto Reynoso Fernandez (Alfinete), na Sociedade Hípica Paulista, entre 2 e 4/12. Na quinta-feira, 2/12, Luciana e Lady Louise JMen, uma BH de 10 anos, venceram a qualificativa do GP e nesse sábado, 4, a dupla garantiu o topo pódio no difícil GP, a 1.45/1.60m, com único duplo zero falta nos percursos idealizados pela course-designer internacional Marina Azevedo.

Dos 12 conjuntos em pista, 11 retornaram para a 2ª e decisiva volta. Única a completar a primeira volta sem faltas, Luciana e Lady Louise JMen fizeram mais um percurso percurso perfeito no ótimo tempo de 52s39 inscrevendo seu nome no GP Troféu Perpétuo José Roberto Reynoso Fernandez (Alfinete) e, de quebra, faturando o ranking brasileiro senior top 2021.

Com ótima atuação trazendo apenas um ponto perdido da 1ª volta e pista limpa na 2ª, em 56s45, o top casa José Luiz Guimarães de Carvalho com Con Chello´s Son JMen garantiu o vice-campeonato. Em 3º lugar chegou Flávio Grillo Araujo apresentando Lorentino JMen que fechou com apenas 5 pontos perdidos na 1ª volta e pista limpa na 2ª, em 52s53. Todos os três primeiros colocados montando cavalos do Haras Agromen, maior e mais premiado criatório brasileiro na atualidade.

Luciana, 47, brasiliense renomada advogada e jurista, montou na juventude e retornou às pistas há cerca de 10 anos, sempre treinando com Marcos Fernandes Alves, o Joca, dono de dois bronzes nos Jogos Paralímpicos da China 2008. "Foi muita emoção fechar o ano com essa vitória na Hípica Paulista, um lugar em que eu tenho sempre muita sorte. Também com a Lady Louise fui campeã brasileira amador top 1.30m aqui na Hípica Paulista em 2019 e agora em outubro de 2021 fomos campeãs brasileiras senior top. Fechamos o ano com chave de ouro graças a esse grande treinador que é o Joca (Marcos Fernandes Alves).

"O Joca é meu treinador de uma vida, nem vale perguntar há quantos anos porque as contas vão ser difíceis... (rs). Ele é inspirador, me faz sempre acreditar que é possível. Desde que eu saltava 1.20m ele fica me estimulando a saltar mais alto e aqui chegamos", destacou a campeã ao lado de Joca, que já a treinava na juventude. A destacar ainda que desde 2008, quando Camila Mazza Benedicto venceu o Campeonato Brasileiro Senior Top e defendeu o Brasil na Olimpíada do mesmo ano, nenhuma amazona em atividade no país chegou tão longe quanto Luciana.  

Para Joca, o sucesso não tem segredo. "Acho que é o trabalho: acreditar e saber que tanto a Luciana como a Lady Louise tinham essa futuro pela frente e ainda muito o que mostrar. Não acho que é sorte e sim talento das duas", destacou o treinador, brasiliense de 60 anos, ex-cavaleiro de salto que em 1985 sofreu um acidente que o deixou paraplégico. Mas não se afastou dos cavalos: voltou a montar em 2003, disputou a Paralimpíada de 2004 e quatro anos mais tarde conquistou dois bronzes na Paralimpíada de Pequim 2008. Também integrou o Time Brasil em Londres 2012. Hoje Joca tem um centro de treinamento em Brasília formando uma legião de cavaleiros e amazonas em todos os níveis.

Com o resultado, Luciana, vice-campeã no GP da Copa São Paulo na Hípica Paulista em 13/6, campeã do GP Sabemi no Rio e 14/11, vice-campeã brasileira senior top em 31/10, entre outras classificações, foi campeã do ranking brasileiro senior top totalizando 237,5 pontos. Stephan Barcha, atual campeão brasileiro senior top, foi vice, 235 pontos, e Flávio Grillo fechou o ranking em 3º, 230 pontos, conquistando ainda o título de campeão da liga sul-americana garantindo uma vaga para a final da Copa do Mundo 2022, entre 6 e 10/4, em Leipzig, Alemanha.

Luciana, Stephan e Flávio também estão convocados disputar o Winter Equestrian Festival 2022 nos EUA com as despesas áreas e do cavalo custeadas pela Confederação Brasileira de Hipismo. O tradicional evento na Florida já vale como observatória para formação das equipes no Campeonato Mundial 2022, que acontece a cada quatro anos, e terá lugar em Herning na Dinamarca, entre 6 e 14/8.


Troféu Perpétuo José Roberto Reynoso Fernandez (Alfinete)

O Troféu Perpétuo foi criado em 2018. O retrospecto de José Roberto Reynoso Fernandez, conhecido como Alfinete, ilustre cavaleiro sócio da Sociedade Hípica Paulista, o coloca entre os maiores ícones da história do hipismo no país. Foi, aos 15 anos, em 1965, na Itália, que Alfinete conquistou seu primeiro vice-campeonato Mundial de Juniores na Itália. Dois anos depois, em 1967, foi campeão pan-americano por equipes em Winnipeg, no Canadá.

Em 1968, logo depois de ser campeão pan-americano, conquistou o primeiro lugar no Troféu Royal Rider de Toronto, mesmo ano em que venceu a Prova das Nações de Genebra. Em 1968 fechou os Jogos Olímpicos do México em 7º lugar. O cavaleiro – conhecido pelo estilo impecável único – também foi tetracampeão brasileiro senior (1975/1976/1978 e 1981), hexacampeão do Torneio Pão de Açúcar na Sociedade Hípica Paulista (1975/1977/1978, 1980, 1982 e 1990), entre inúmeras outras conquistas. José Roberto Reynoso Fernandez faleceu aos 54 anos em janeiro de 2002.

Troféu Perpétuo 
2021 Luciana Lossio / Lady Louise JMen
2020 Thales Marino / Deauville
2019 José Roberto Reynoso Fernandez Filho / Azrael W
2018 Vitor Alves Teixeira / Hilde Império Egípcio

GP Top Riders 2021
Campeã Luciana Lossio / Lady Louise JMen- BRA - 0/0 - 0/52s39
Vice José Luiz Guimarães de Carvalho / Con Chello´s Son JMen - BRA - 1/0 -1/56s45
3º Flavio Grillo Araujo / Lorentino JMen - BRA - 5/0 - 5/52s53
4º Marcello Ciavaglia / GR Garuda - BRA - 8/0 - 8/49s05
5º Guilherme Dutra Foroni / Chelsea JMen - BRA - 9/0 - 9/52s05
6º Cicero Faustino Barros / Cassino Blue HR JA - BRA - 5/4 - 9/55s19

 

Informações: Carola May - 11 99715 9499

Leia também...
06.06.2022

João Paulo Gouvea levou Doria One Mystic Rose, cega de um olho, ao topo do pódio Paulistão Senior Especial, a 1.35m. Já Pedro Tavora de Matos garantiu o título estadual Senior, a 1.45, com Giovana Método, que há pouco mais de 2 anos ainda saltava 1.10m.

01.06.2022

João Paulo Gouvea, 36, vem em franca ascensão como cavaleiro titular do Haras Rosa Mystica, criatório de ponta que vem investindo forte em sua carreira. Longevidade no hipismo e bons cavalos fazem a diferença.

29.11.2021

Duas semanas de competição marcaram o 83º Aniversário da Sociedade Hípica Brasileira. Na 6ª feira, 26, Stephan Barcha e Chevaux Primavera venceram o GP World Cup Qualifier e nesse domingo, 28, bateram na trave no GP Troféu Marinho, que teve como vice-campeão o top José Roberto Reynoso Fernandez Fº.

28.11.2021

Disputa homenageou Rodolpho Luiz Figueira de Mello, sócio da Hípica e ex-presidente da Federação Equestre do Rio de Janeiro, falecido precocemente em 2020. Nesse domingo, 28, o GP Internacional Troféu Perpétuo Roberto Marinho, instituído em 1988, encerra a tradicional competição.